Textos

Linha do tempo

Ana Mello
17/12/2015



Cada dia é diferente
Do outro dia
Em que a saudade era menor.
Todo dia travo
Uma nova luta.
Questiono as razões
Da minha fé absoluta.
Da verdade
Da vida
Do tempo e da eternidade.
Não duvido
Sei de tudo
E num instante nada importa.
A fraqueza me faz mudo.
Desejo que me digas,
Que por um momento
Quebres todas as promessas
E consigas dizer que estás bem
E que além dessa vida me amas.
Eu já sei
E devia ser forte e
Não precisar de palavras
Para me dar um norte.
Porém amor,
é impossível vencer a dor,
a distância e a morte.
O tempo é longo demais e eu agora
Só quero voltar atrás.


Cadastre-se para receber dicas, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "284807" no campo.